Entorse no Tornozelo

Em Resumo

Causa/sintomas: as entorses da articulação tibiotársica (tornozelo) ocorrem maioritariamente para o lado lateral da articulação e aparece de imediato um inchaço, se passado um dia ou dois se verificar descoloração poderá ter ocorrido uma fractura.

 

Necessidades em calçado:

A reabilitação é crítica, quanto mais um tornozelo sofreu uma entorse maiores são as possibilidades de sofrer de novo. Deverá ser recomendado sapatos com apoio na zona do tornozelo, como meia bota ou bota, se a pessoa sofrer de tornozelo instável ou  tiver um ciclo mecânico de pronação deverá ser acomodado em calçado com estabilidade, devemos também nos certificar que o pé não é demasiado largo para o sapato (o pé nunca pode ficar justo na caixa dos dedos, permitindo uma expansão natural durante o exercício físico).

Existe uma  boa possibilidade de ao pisar  numa superfície desigual,  torcer o tornozelo acontece a 25.000 pessoas todos os dias nos EUA. Às vezes, deve-se a um movimento brusco em que se perde o equilíbrio, a dor desvanece-se rapidamente. Mas a torção pode ser mais severa; o seu tornozelo pode inchar e pode doer demasiado para se apoiar nele. Num entorse do tornozelo, um ou mais ligamentos na parte externa foram esticados ou rasgados. Se não for tratado correctamente, você poderá ter problemas a longo prazo. É mais provável torcer seu tornozelo quando se  tem  os dedos do pé no solo e o calcanhar levantado (flexão plantar). Esta posição coloca os ligamentos do  tornozelo sob a tensão, tornando-os vulneráveis. Uma força repentina (como aterrar em uma superfície desigual) pode torcer o tornozelo para o lado  interno (inversão). Quando isto acontece, um, dois ou três dos ligamentos pode ser ferido. Informe o seu médico qual  era a actividade que  fazia quando  torceu  o tornozelo. Ao examiná-lo o médico poderá requerer um raio X para certificar-se que nenhum osso está fracturado. Dependendo de quantos ligamentos estão lesionados a torção é classificado como  classe I, II ou III. Tratando um  entorse do tornozelo Tratar de um entorse do tornozelo correctamente poderá impedir a dor e a instabilidade crónicas. Para uma torção da classe I, siga os conselhos de R.I.C.E.:

  • Descanse, não ande nem faça força sobre  seu  o tornozelo. Frio (mantenha-o frio com gelo) para reduzir o inchaço. Ligaduras funcionais imobilizam e suportam a lesão.

  • Eleve o tornozelo acima de seu nível do coração por 48 horas.

O inchaço geralmente  baixa em alguns dias. Para um entorse da classe II, siga os conselhos de R.I.C.E. e reserve mais tempo para a recuperação. Um médico pode imobilizar (com uma ligadura) o tornozelo torcido. Uma entorse da classe III coloca-o com riscos de  ficar com instabilidade permanente do tornozelo. a cirurgia  raramente é necessária para reparar os danos, apenas e especialmente em atletas de alta competição. Para torções severas do tornozelo, o seu médico pode também recomendar intervenção cirúrgica para reparar os ligamentos. Recuperação de um entorse do tornozelo Cada lesão de ligamentos necessita de reabilitação. Se não, o  entorse pode não curar completamente e você pôde lesionar-se de novo. Todos os entorses de tornozelo, de suave a severo, requerem três fases de recuperação:

  • A fase I inclui descansar, proteger e reduzir o inchamento de seu tornozelo ferido. A fase II inclui restaurar a flexibilidade, a escala do movimento e a força do seu tornozelo.

  • A fase III inclui gradualmente o retorno à actividade e fazer exercícios de manutenção, seguidos mais tarde por mais desportos de movimentos laterais tais como o ténis, basquetebol ou futebol.

quando conseguir apoiar-se de novo no tornozelo ,o  seu médico prescreverá rotinas do exercício para fortalecer os músculos e ligamentos, e aumentar a flexibilidade, equilíbrio e coordenação.. É importante terminar o programa da reabilitação porque reduz as  probabilidades de se lesionar no mesmo tornozelo . Se  não terminar a reabilitação, poderá sofrer  dores e  instabilidade no tornozelo. Se seu tornozelo continuar a doer depois da recuperação, poderá significar que o (s) ligamento (s) torcido (s)  ainda não curaram correctamente, ou que existe alguma outra lesão. Para impedir futuras entorses, preste atenção aos sinais de advertência do seu corpo, abrande as actividades quando sente a dor ou  fatiga, e permaneça em  forma com  flexibilidade, e  fortaleça os músculo e os  tecidos moles.

Clique para outras vistas do pé.

Vista Frontal (antepé) Vista Dorsal (medio pé) Vista tornozelo (retropé) Vista lateral Vista Plantar

Este material foi desenvolvido pela academia americana de cirurgiões ortopédicos  - www.aaos.org

Informação legal

Share/Bookmark